Informações aos Concorrentes

NÃO DEIXES DE CONHECER

AS REGRAS E TRÂMITES A CUMPRIR NO MASTERS

Em tudo que constitui uma sociedade, regras, direitos e deveres fazem parte da base de qualquer evento. São estas diretrizes que promovem um desenvolvimento sólido e uma fluidez rentável.

No Hill Climb Masters não poderia ser diferente…como tal, descobre abaixo o regulamento e faz desta prova uma experiência épica!

PADDOCK

RESPONSÁVEL – PEDRO MACEDO

Regulamentos da Prova

DESCARREGUE OS REGULAMENTOS DA FIA HILL CLIMB MASTERS

Para uma informação mais completa e detalhada, sugerimos a leitura completa de cada um dos regulamentos. Assim, damos a possibilidade de download dos mesmos, bastando para isso selecioná-los nos devidos botões.

Regulamento e seus Anexos

Organização

A Competição tem o status de competição internacional e será realizada em conformidade com o Código Desportivo Internacional e seus Anexos, os Boletins oficiais da FIA, as Prescrições Gerais aplicáveis ​​a Competições Internacionais de Hill Climb, o Regulamento Desportivo da FIA Hill Climb Masters, e todos os Regulamentos Suplementares.

Regulamento

  1. A Federação Internacional Automóvel (FIA) organiza o FIA Hill Climb Masters, compreendendo quatro títulos FIA Masters:
  • O Fia Hill Climb Masters, disputado por condutores de categoria 1;
  • O Fia Hill Climb Masters, disputado por condutores de categoria 2;
  • O Fia Hill Climb Masters, disputado por condutores de categoria 3;
  • O Fia Hill Climb Masters, disputado por condutores de categoria 4.

 

  1. Os textos finais do Regulamento Desportivo e dos Regulamentos Suplementares serão em versão inglesa, disponíveis em botão abaixo, poderão ser utilizados em caso de alguma disputa.

 

  1. Todos os intervenientes na competição comprometem-se em observar as seguintes disposições, tais como o Código Desportivo Fia Internacional e seus anexos, os Regulamentos Técnicos e os Regulamentos Desportivos.

 

  1. O Fia Hill Climb Masters será disputado numa só competição, sendo caracterizado como uma competição internacional restrita. A competição é aprovada pela FIA a titulares de uma Licença de Grau D1, sendo declarado como tal no Calendário Desportivo Internacional da FIA. Esta competição é organizada mediante o Acordo de Organização celebrado entre os organizadores da Masters, o ASN do país e a FIA.

 

  1. A FIA nomeará oficiais para a Competição, tais como dois comissários internacionais, dos quais um será nomeado presidente do painel de comissários; um delegado técnico e um observador. Cumpre-lhes o papel de supervisionar as funções dos colaboradores desta competição, bem como assegurar que todas as normas organizacionais são cumpridas. A par disso, a ASN competente nomeará um mordomo, um secretário de curso, um secretário assistente, um escrutinador chefe, um diretor médico e um segundo médico, um secretário de competição e um delegado de segurança.

 

  1. Os concorrentes devem possuir Licenças de Condução válidas (graus A, B, C, R, D ou D1) e Licenças de Competição Internacionais, bem como as autorizações necessárias (vistos) emitidos pelos seus ASN’s afiliados à FIA. Para mais informações relativas às tipologias e características dos condutores, por favor consulte o Regulamento em botão à direita.

 

  1. Antes de se inscrever numa competição, concorrentes e pilotos devem registar o carro em fiaperformncefacto.com e preencher a folha Técnica lá presente. Obter de seguida os dois ID’s, PF e PF-ID, associados à entrada do seu carro. As candidaturas para participar na competição devem ser submetidas através do formulário disponível em www.fia.com, sendo acompanhado por cópias das licenças de condução e de piloto internacional, bem como da Folha Técnica PF e a taxa de inscrição. As inscrições são avaliadas pela FIA, que publicará posteriormente a lista de carros e pilotos aceites, sendo estes automaticamente admitidos no Masters. Relativamente à inscrição e regras da mesma, consulte os pontos 7. no botão à direita.

 

  1. ASN’s que desejem entrar no seu país na Copa das Nações da FIA, devem selecionar quatro pilotos inscritos na competição, tendo de informar a FIA o nome dos selecionados até 17 de Setembro de 2021 até às 23:59h.

 

  1. A competição está aberta a carros portadores de ficha técnica PF e um passaporte técnico nacional, em conformidade com as prescrições técnicas dos Anexos 2 e 3 deste Regulamento Desportivo. Saiba tudo sobre os carros elegidos nas várias categorias, bem como informação relativa aos Grupos, nos pontos 9. do Regulamento presente no botão à direita.

 

  1. O combustível a ser utilizado tem de estar em conformidade com o regulamentado no Anexo J, no entanto carros de grupos de categoria não FIA (3 e 4) podem utilizar energia alternativa, cumprindo as regulamentações nacionais do seu ASN. Aquecimento dos pneus são proibidos, podendo levar à desqualificação. Os carros em competição têm de apresentar recursos de segurança conforme os regulamentos em vigor, mediante as prescrições técnicas dos Anexos 3 e J. Sobre outros recursos e equipamentos, consulte o Regulamento no botão à direita.

 

  1. Os números da competição serão atribuídos pela FIA.

 

  1. O piloto ou o seu representante deve apresentar-se em tempo útil para a verificação administrativa na localização e hora detalhadas nos Regulamentos Suplementares, exceto em caso de dispensa concedida. Nesta fase serão inspecionadas a Folha Técnica PF (carros de categoria I), a Licença de Condução, de Piloto Internacional e licença de Competição.

 

  1. Para identificação dos carros e controlo das medidas de segurança, é obrigatório que os participantes apresentem os seus carros para verificação. Conheça todos os trâmites nos pontos 13. do Regulamento presente no botão à direita.

 

  1. O briefing dos pilotos é uma reunião organizada antes da Competição, onde estão presentes todos os condutores. O seu intuito é relembrar os pontos específicos do Regulamento, quer relativamente à organização do Masters, quer para relembrar medidas de segurança e esclarecimentos. Toda a informação relativa ao Briefing encontra-se detalhada no Regulamento Complementar e no Regulamento Desportivo apresentado no botão à direita.

 

  1. No início da Competição, são instaladas placas de identificação no parque de fiscalização, durante os treinos e durante o período permitido para a apresentação de protestos, como se informa no Regulamento Complementar.

 

  1. Os pilotos terão o seu próprio espaço no paddock, sendo responsáveis por garantir a existência de extintor de incêndio (de pelo menos 5kg). São também responsáveis por garantir que uma folha de plástico à prova de água, e resistente a hidrocarbonetos, é colocada no terreno, espaço reservado à equipa do piloto, a fim de evitar qualquer poluição em caso de vazamento acidental.

 

  1. Salientamos para a importância de atentar aos vários sinais de bandeira utilizados durante várias fase da Competição. É proibido conduzir em direção oposta, a menos que assim instruído pelos fiscais de pista ou secretário do curso. Em caso da marcha ter de ser interrompida, seja porque motivo for, é conveniente conhecer as regulamentações expostas no Regulamento presente no botão à direita, nos pontos 17.

 

  1. A Competição deve ser realizada contanto com um mínimo de dois treinos de aquecimento e um máximo de três. A ordem de partida é estabelecida pelo júri de comissários, com base nos grupos estabelecidos e lista de participantes. Conheça todos os deveres do piloto durante as corridas de aquecimento e prova, nos pontos 18 do Regulamento (à direita).

 

  1. No final da corrida de aquecimento, as regras do Parque Fechado são aplicadas entre o ponto de chegada e a entrada do Parque Fechado. Até ordens em contrário, no final da Competição, todos os carros classificados permanecem em Parque Fechado. Saiba mais sobre o Parque Fechado nos pontos 19. do Regulamento Desportivo à direita desta página.
  1. A nível de classificações, estas são divididas por várias categorias, assim como várias classificações são premiadas. Saiba tudo no ponto 20 do Regulamento no botão à direita.

 

  1. Os mordomos têm autoridade sobre as penalidades impostas e os administradores podem decidir sobre qualquer ponto que não seja fornecido no regulamento. Eles podem aplicar penalidades em conformidade com o Regulamento Desportivo, o Regulamento Complementar e seus Anexos.

 

  1. Todos os protestos serão apresentados de acordo com o Código. Estes devem ser feitos por escrito e entregues a algum administrador ou assistente, juntamente com um valor a ser especificado nas Regulamentações Suplementares. Saiba tudo sobre motivos de protestos, prazos de apresentação, motivos de não fundamento, descumprimentos, custos, etc, nos pontos 22 do Regulamento no botão à direita.

 

  1. Qualquer concorrente, piloto, assistente ou organizador que não respeite as regras da competição, bem como de seus funcionários, poderá estar sujeito a penalizações.

 

  1. A cerimónia do pódio é realizada imediatamente após a última corrida. Devem ser presentes os primeiros três pilotos nas categorias 1, 2, 3 e 4. A não presença ou uso de roupas inadequadas (sem macacão de competição), podem levar a sanções. As medalhas serão atribuídas aos três primeiros pilotos nas categorias supramencionadas. Saiba tudo sobre a cerimónia e prémios nos pontos 24, no botão à direita.

 

É de extrema importância reler todos os pontos presentes no Regulamento Desportivo, apresentado no botão à direita. Os anexos são também de fulcral importância, pelo que não deve abster-se de os verificar.

Informação específica da Competição

National Sporting Authority (ASN): Federação Portuguesa Automobilismo e Karting

Organização da Competição: Clube Automóvel do Minho

Morada: Rua Bernardo Sequeira, 533, 4710-428 Braga, Portugal

Importante: Caso tenha questões, envie-as por email, reservando chamadas telefónicas apenas para situações genuínas de emergência.

Morada do Secretariado da Competição de 07/10/21 a 10/10/21:

Comité Organizador:

Rogério Peixoto (PRT) – Presidente
José Alberto Domingues (PRT)
Pedro Macedo (PRT)

Características do circuito:

  • Nome: Braga
  • Localização: EN 309 Falperra – Braga (PRT)
  • Coordenadas GPS:
    • Partida: 41°31’,51.852″ N 8°23’,39.228″ W
    • Meta: 41°31’,52.572″ N 8°23’,5.280″ W
  • Altitude da partida: 305 metros
  • Altitude da meta: 446 metros
  • Comprimento: 2970 metros
  • Diferença em altura: 141 metros
  • Gradiente médio: 4.6%
  • Gradiente máximo: 7.8%
  • Voltas (número): 17

Características da Competição:

  • Número oficial de voltas de
  • Localização: EN 309 Falperra – Braga (PRT)
  • Coordenadas GPS:
    • Partida: 41°31’,51.852″ N 8°23’,39.228″ W
    • Meta: 41°31’,52.572″ N 8°23’,5.280″ W
  • Altitude da partida: 305 metros
  • Altitude da meta: 446 metros
  • Comprimento: 2970 metros
  • Diferença em altura: 141 metros
  • Gradiente médio: 4.6%
  • Gradiente máximo: 7.8%
  • Voltas (número): 17
X